BOM PLANEJAMENTO TAMBÉM É TREINO

05/12/2018 TRAIL RUNNING

Planejar e montar um calendário de trail running com provas e toda a rotina de treinamento para chegar bem em cada uma delas não é algo fácil. Diferentemente de provas no asfalto, em que você leva em conta pura e simplesmente a distância – com poucas variáveis -, o trail running leva em conta as distâncias, a altimetria, o clima, o tipo de terreno e muitas outras coisas.
E de acordo com as provas que o corredor tem em mente, o calendário deverá ter alguns deslocamentos para os treinos, já que nem todo corredor tem perto de casa o cenário ideal para treinos que realmente o deixem preparado para as provas da temporada.
Conversamos com Fredy Guerra, atleta e coordenador da Tendência Outdoor Assessoria Esportiva. Confira as dicas e sugestões dele antes de fechar sua programação para a próxima temporada.  

Objetivo
Antes de tudo, você precisa estabelecer claramente quais os seus objetivos na temporada. Não pense primeiramente na prova que vai correr nas próximas semanas. Mantenha o foco na sua prova-alvo. Sua preparação e o seu planejamento devem ser feitos para que você chegue bem nesta prova. Então, estabeleça uma prova alvo.

Motivação
Para ajudar a identificar os eventos que vão entrar no seu calendário, você deve estabelecer um desafio que seja difícil o suficiente para motivá-lo, mas que ao mesmo tempo seja possível de ser atingido. Este desafio pode ser melhorar a performance na distância habitual, correr distâncias maiores, melhorar tecnicamente, correr com maior autonomia ou apenas construir um hábito saudável e duradouro, que mude a sua rotina de vida definitivamente.
De preferência, determine isso com o auxílio de um profissional de educação física que seja treinador de corrida.

Dedicação
Seja qual for o desafio que esteja pensando em estabelecer, em primeiro lugar é essencial que você saiba o tempo necessário para se preparar e refletir, com sinceridade, se terá disponibilidade de tempo e as condições para treinar corretamente neste período. Não adianta traçar metas se você não tem condições de se preparar para alcançá-las.

Provas
Pense em provas que podem preparar você para sua prova alvo. Devem ser aquelas de menor importância, que você usa para se aprimorar física e mentalmente visando a prova mais importante da sua temporada.
Não escolha as provas apenas porque os amigos vão corrê-la. É preciso pensar em outros pontos que vão além da companhia. Principalmente no seu objetivo e na sua capacidade física. 
Pesquise tudo sobre a prova, assim não terá surpresas em relação ao percurso, às condições climáticas e à estrutura do evento, fatores que influenciam também no rendimento.

Seleção
O excesso de provas é o erro mais comum dos corredores quando planejam o calendário da temporada. É preciso disciplina e consciência para escolher as competições. Converse sempre com seu treinador e opte pelas provas de bons organizadores, pois são mais seguras e divertidas.

Estudo
Analise as informações específicas de percurso, distância, terreno, altimetria, tempos-limite e de corte, quando existirem. Para calcular a previsão de tempo da competição, você deve tomar como referência suas provas anteriores. Assim você consegue estimar o tempo que levará para concluir o percurso. Só assim você consegue calcular o tempo que vai levar entre os pontos de apoio e a quantidade de hidratação e alimentação que deve levar.

Limite
Tenha consciência do seu condicionamento atual. Alinhe de forma correta suas expectativas, evitando frustrações desnecessárias.

Descanso
Após a prova alvo, deixe as competições por alguns dias ou até semanas, dependendo da duração da prova ou do período de preparação. Uma prova requer um grande nível de comprometimento mental e físico. Ao dar um tempo nas competições, você vai garantir um retorno mais forte e, consequentemente, ficará mais motivado.

Sonhos
Não tenha medo de falar sobre o futuro com o seu treinador, mesmo que para você este futuro ainda pareça muito distante. Sonhe alto, sem medo – e conte com a ajuda de um profissional da sua confiança para alcançar esse sonho. Planejar um calendário de forma inteligente é tão importante quanto o treinamento, a nutrição, a fisioterapia, o vestuário e o equipamento.

Bons treinos!

VEJA MAIS FOTOS: